1101

Eu sou poeta. Eu não preciso falar a verdade.

Um comentário:

Gil disse...

viva a poesia!