921

Se nosso espírito é finito ou infinito, ambas as possibilidades me parecem perturbadoras. É sufocante ter apenas estas duas opções como destino.

Um comentário:

Anônimo disse...

Eternamente teremos somente duas opções. Dualidade mundana.